PUBLICIDADE
Logo do

Avaí

Meu time

Corinthians para em Eduardo Martini e fica no zero com o Avaí

2 ago 2009 17h55
| atualizado às 18h24
Publicidade

O Corinthians jogou bem, pressionou, criou chances, mas não saiu do 0 a 0 com o Avaí. Graças ao goleiro Eduardo Martini, que fez defesas espetaculares, o time catarinense saiu do Pacaembu com um ponto mesmo sem ter jogado bem.

» Veja fotos da partida
» Veja a classificação atualizada
» Confira a tabela e os resultados
» Comente o resultado

O time de Mano Menezes continua em fase difícil no Campeonato Brasileiro. O empate leva o Corinthians aos 25 pontos. Já o Avaí sobe para 23 e mantém uma série de seis jogos sem perder.

Contando com os retornos de Elias e Alessandro, o Corinthians exibiu um melhor jogo do que aquele mostrado no empate contra o Santo André, na quarta-feira. Bill e Souza, mesmo com menor mobilidade, souberam abrir espaços na defesa do Avaí, que entrou muito compacta.

O Corinthians jogou bem, mas não contava com a excelente atuação de Eduardo Martini. Logo nos primeiros minutos, o goleiro já mostrou que não facilitaria a vida corintiana no Pacaembu. Aos 8min, ele deu sua primeira amostra ao defender um chute a queima-roupa de Bill, depois de um rebote de Souza.

Trancado na defesa, o Avaí tinha como proposta utilizar os contra-ataques. O técnico Silas deixou o rápido Caio na frente, cuidando desse tipo de jogada. No primeiro tempo, porém, a pressão corintiana foi maior. Aos 25min, Bill recebeu belo passe de Souza, encobriu Eduardo, mas viu a bola acertar o travessão.

No segundo tempo, o panorama ficou ainda mais evidente. Um Corinthians que tinha a maior posse de bola e criava chances, contra um Avaí fechado e esperando uma brecha para matar o jogo. Para isso, Silas colocou Roberto, outro atacante rápido, no lugar do finalizador William.

Com Roberto, o Avaí quase surpreendeu e conseguiu a vitória no Pacaembu. Aos 29min, o atacante foi lançado na esquerda, invadiu a área e exigiu grande defesa de Felipe.

A partir daí, começou o show particular de Eduardo Martini. Em três minutos seguidos, ele fez três defesas espetaculares para manter o time catarinense invicto pelo sexto jogo consecutivo. No primeiro lance, Elias concluiu da pequena área e o goleiro se esticou para espalmar. Depois, Marcelinho chutou cruzado e Eduardo fez outra bela defesa.

O mais impressionante veio aos 35min. Jucilei fez cruzamento perfeito na cabeça de Souza e o goleiro voou no canto esquerdo para afastar. No fim do jogo, a sensação era de que o Corinthians poderia jogar mais um tempo inteiro que pararia no camisa 1 do Avaí, herói do time na tarde deste domingo.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 0 X 0 AVAÍ

Lance bizarro
Na cobrança de um escanteio, Boquita errou a bola e chutou a bandeirinha

Ponto Forte do Corinthians
Toque de bola e jogadas criadas por tabelas

Ponto Forte do Avaí
Sistema de marcação compacto, que dificultou as ações corintianas

Ponto Fraco do Corinthians
Defesa aberta nos contra-ataques

Ponto Fraco do Avaí
Falta de ousadia, que deixou o jogo um pouco mais feio

Personagem do jogo
Eduardo Martini, que fez grandes defesas no final e garantiu o empate para o Avaí

Esquema Tático do Corinthians
4-4-2
Felipe, Alessandro, Chicão, William e Marcinho (Bruno Bertucci); Jucilei, Elias, Boquita (Diogo) e Jorge Henrique (Marcelinho); Souza e Bill.
Técnico: Mano Menezes

Esquema Tático do Avaí
3-5-2
Eduardo Martini, Augusto, Rafael e Emerson; Luís Ricardo, Marcus Winícius, Fernando Bob (Uendel), Marquinhos (Xaves), Eltinho; Caio e William (Roberto).
Técnico: Silas

Cartões Amarelos
Corinthians:
Avaí: Rafael, Fernando Bob

Árbitro
Ricardo Marques Ribeiro (MG)

Local
Pacaembu, São Paulo (SP)




Fonte: Terra
Publicidade