PUBLICIDADE

Desfigurado, Corinthians vira, mas cede empate para Barueri

26 ago 2009 23h46
| atualizado em 27/8/2009 às 00h19
Publicidade

Com um time recheado de reservas e com uma nova camisa - listrada em preto e roxo -, nem parecia que o Corinthians estava em campo na noite desta quarta-feira. No entanto, a equipe fez jogo equilibrado contra o Barueri, saiu atrás, conseguiu virar, e acabou cedendo o empate por 2 a 2, na Arena Barueri.

» Veja fotos da partida
» Veja a classificação atualizada
» Confira a tabela e os resultados
» Problemas no estádio? Mande seu relato

O resultado leva o Corinthians aos 33 pontos, ainda próximo do grupo dos quatro primeiros colocados no Campeonato Brasileiro. O Barueri tem a mesma pontuação, mas um jogo a menos.

O Corinthians nem havia se arrumado em campo e já ficou em desvantagem no placar. Com 21 segundos de partida, a bola saiu do meio-campo, passou por Marcos Pimentel, foi alçada na área e encontrou Márcio Careca. O lateral cabeceou para o meio da pequena área e Flavinho, livre, completou para as redes.

Com uma defesa totalmente perdida, o Corinthians sofreu pressão do Barueri nos primeiros 15 minutos. O time treinado por Diego Cerri dominou o meio-campo e apertou a saída de bola corintiana, prejudicada pelo fato de a zaga ser inteiramente formada por reservas - incluindo o estreante Balbuena. Foi no toque de bola que o time da casa criou chances, a melhor delas em um chute cruzado de Márcio Careca.

Acuado, o Corinthians só conseguiu levar perigo a partir das falhas do Barueri. A primeira boa jogada ocorreu apenas aos 27min, quando Morais lançou Henrique, que se aproveitou do erro na linha de impedimento e apareceu na cara de René. O atacante, porém, chutou em cima do goleiro.

No segundo tempo, o técnico Mano Menezes lançou Souza, recuperado de lesão. E o camisa 43 deu nova dinâmica ao ataque corintiano, buscando o jogo e caindo pelas pontas, deixando Bill mais fixo na área. Foi em uma bela jogada de Souza que o time conseguiu um pênalti, após ser derrubado por Márcio Careca. Aos 7min, Marcinho cobrou com perfeição e empatou.

Animado, o Corinthians foi para cima e contou com a inspiração de Elias para virar. Aos 12min, o camisa 7 corintiano avançou pela intermediária e acertou um lindo chute no ângulo esquerdo de René.

Se o ataque começava a funcionar, a defesa seguiu decepcionando. Aos 17min, Márcio Careca fez longo cruzamento da esquerda e Paulo André não alcançou. Pelas costas do zagueiro, o artilheiro Val Baiano cabeceou, contou com a colaboração do goleiro Rafael Santos e marcou seu 11º gol no campeonato.

Depois, o Barueri passou a pressionar em busca da virada e teve um gol anulado, de Leandro Castan. O árbitro Sálvio Spínola marcou impedimento depois da cobrança de falta.

Ficha técnica:
BARUERI 2 X 2 CORINTHIANS

Gols
Barueri: Flavinho, aos 21s do 1º tempo; Val Baiano, aos 17min do 2º tempo
Corinthians: Marcinho, aos 7min, Elias, aos 12min do 2º tempo

Lance polêmico
- Pênalti de Márcio Careca em Souza, contestado pelos jogadores do Barueri
- Gol anulado de Leandro Castan, após um impedimento

Lance bizarro
No segundo tempo, Val Baiano recebeu passe na entrada da área e deu uma furada incrível, perdendo a chance

Ponto Forte do Barueri
Toque de bola no meio-campo e a presença de área de Val Baiano

Ponto Forte do Corinthians
Entrada de Souza, que deu maior movimentação ao ataque

Ponto Fraco do Barueri
Erros de finalização, que custaram a vitória

Ponto Fraco do Corinthians
Defesa, desentrosada, cometeu falhas primárias - principalmente no segundo gol do Barueri

Personagem do jogo
Elias, autor de um golaço para o Corinthians

Esquema Tático do Barueri
3-5-2
René, Xandão, Leandro Castan e Daniel Marques; Marcos Pimentel, Ralf, Éverton (Márcio Hahn), Thiago Humberto e Márcio Careca; Flavinho e Val Baiano.
Técnico: Diego Cerri

Esquema Tático do Corinthians
4-3-3
Rafael Santos, Balbuena, Jean, Paulo André e Marcinho (Marcelo Oliveira); Moradei, Elias e Morais; Jorge Henrique, Henrique (Souza) e Bill (Jadson).
Técnico: Mano Menezes

Cartões Amarelos
Barueri: Xandão, Leandro Castan, Márcio Careca
Corinthians: Paulo André, Moradei, Elias, Souza, Marcelo Oliveira

Cartões Vermelhos
Barueri: Xandão
Corinthians:

Local
Arena Barueri, em Barueri (SP)

Árbitro
Sálvio Spinola Fagundes Filho (SP)





Fonte: Terra
Publicidade