PUBLICIDADE
Logo do

Palmeiras

Meu time

Jogador do Grêmio desmaia e deixa estádio em ambulância

6 ago 2009 22h49
| atualizado em 7/8/2009 às 08h26
Publicidade

O zagueiro Réver foi alvo de muita preocupação por parte de gremistas e palmeirenses na noite desta quinta-feira, no Estádio Palestra Itália. No fim da segunda etapa da partida, o defensor do time gaúcho se chocou com Diego Souza pelo alto e caiu no gramado, assustando médicos das duas equipes. Ele foi levado à Santa Casa de Misericórdia, na região de Santa Cecília, em São Paulo, realizou exames e, à 1h20 (de Brasília), liberado para passar a noite no hotel onde o Grêmio está hospedado.

» Veja fotos de Palmeiras x Grêmio
» Veja fotos da lesão de Réver
» Grêmio empata e quebra sequência do Palmeiras
» Veja a classificação atualizada
» Confira a tabela e os resultados
» Receba os gols do seu time pelo celular
» Comente o empate no Palestra Itália

No chão, Réver ficou desacordado durante alguns segundos e recebeu rápido atendimento na maca. O jogador foi retirado de campo e deixou o estádio em uma ambulância, que seguiu em direção ao hospital. Segundo o assessor de imprensa do clube do Olímpico, Vitor Rodrigues, o atleta inicou o trajeto apagado, mas demonstrando sinais de consciência.

Porém, a direção tricolor foi tranquilizada logo em seguida, quando chegou a informação que o defensor deu entrada no hospital consciente e já conversando com os que estavam à sua volta. Mesmo em situação que não preocupa, Réver foi examinado por um neurologista, realizando um exame de tomografia e outros testes laboratoriais para saber as possíveis consequências da pancada.

O jogador teve um traumatismo craniano leve, e perdeu parte da memória após bater a cabeça. O que mais preocupou a comissão gremista, porém, foi o fato de Réver ter reclamado de dores no tórax e dificuldades em respirar ainda no Palestra Itália. Membros do clube gaúcho criticam o Palmeiras por não haver uma ambulância presente no gramado no momento da lesão.

O ex-jogador e atual diretor executivo de futebol do Grêmio, Mauro Galvão, estava no hospital e disse que já esteve em contato com Réver, da mesma forma que também conversou com o médico tricolor que está cuidando do caso, Felipe do Canto. O cartola disse que o atleta falou um pouco sobre o jogo e que não acredita em complicações. "Ele deve ficar sob observação só como precaução. Acreditamos que não é nada mais grave", tranquilizou, explicando também que o atleta deve passar a noite no hospital sob observação.

O Grêmio vai seguir em São Paulo até domingo, quando enfrenta o Barueri na região metropolitana da capital paulista. Réver, porém, deve voltar para Porto Alegre e desfalca o time gaúcho no jogo.

Fonte: Especial para Terra
Publicidade