PUBLICIDADE
Logo do

Vitória

Meu time

Ramon faz gol número 93 em Brasileiros e Vitória bate o Atlético-PR

19 ago 2009 21h19
| atualizado às 22h03
Publicidade

Paulo Baier é o artilheiro do Campeonato Brasileiro na era dos pontos corridos com 73 gols, mas quem roubou a cena no triunfo do Vitória sobre o Atlético-PR por 2 a 1 é o novo integrante da lista dos dez maiores artilheiros da história da competição: Ramon.

» Fotos de Vitória x Atlético-PR
» Receba os gols do seu time pelo celular
» Compre e venda ações dos times da Série A no Futex
» Veja a classificação atualizada
» Confira a tabela completa
» Comente o resultado do jogo

Com uma boa atuação, com direito a passes, chutes perigosos e o gol que abriu o placar no Barradão, Ramon chegou ao gol número 93 em todos os Campeonatos Brasileiros e ajudou ao Vitória encerrar a sequência de cinco jogos sem vitórias e interromper a queda na tabela do time baiano.

O Atlético-PR conheceu sua primeira derrota e os primeiros gols sofridos desde que Antônio Lopes passou a treinar o time. Antes, contando a vitória contra o Fluminense em que o treinador assistiu das tribunas, foram quatro vitórias sem ser incomodado pelo adversário, que aguarda os jogos da rodada para saber se permanece na 13ª colocação.

Tudo conspirava para uma festa para o rubro-negro que recebia seu "irmão de cores" do Paraná. O maior fator era a chance dada pelo técnico Vágner Mancini, em seu primeiro jogo em casa nesta sua volta ao Vitória, ao meia Ramon. Apesar de já ter feito nove jogos neste Campeonato Brasileiro ele não era titular desde o jogo contra o Cruzeiro, no dia 23 de maio.

E em sua volta ele acabou com outro tabu. Desde agosto do ano passado ele não marcava um gol. E como o tento que saiu aos 31min da primeira etapa era esperado. Com o chute de fora da área em que venceu o goleiro Galatto ele chegou ao seu gol número 93 nesta competição se igualando a Reinaldo (ex-Atlético-MG) e dividindo a décima posição entre os artilheiros de todos os tempos.

"Eu conversei com minhas filhas e disse que se jogasse faria o gol. Esse gol é para todos que me ajudaram. Tenho de agradecer a cada dia cada oportunidade dada e ao Mancini também, porque nem eu esperava ser titular. A torcida do Vitória também que sempre me apoia. Vamos voltar (para o segundo tempo) com mais determinação", disse o experiente jogador após a saída para o intervalo.

O problema é que o Vitória bobeou logo no início e em boa jogada do atacante substituto Wallyson o Atlético-PR empatou logo aos 3min do segundo tempo.

Apesar do gol sofrido, Ramon, em noite inspirada, continuou a coordenar as jogadas do Vitória, criar as melhores chances e mostrar para a torcida que o atacante Roger, com apenas um gol nos últimos 8 jogos não precisava ser vaiado.

Partiu dele o abraço a Roger que deu passe açucarado para Neto Berola marcar seu segundo gol no Campeonato Brasileiro aos 22min do segundo tempo.

FICHA TÉCNICA

Vitória 2 x 1 Atlético-PR

Gols
Vitória: Ramon, aos 31min do primeiro tempo e Neto Berola, 22min do segundo tempo
Atlético-PR Wallyson, aos 3min do segundo tempo

Ponto Forte do Vitória
Equipe tomou conta do jogo e pressionou depois de levar o empate

Ponto Forte do Atlético-PR
As alterações no ataque no intervalo surtiram efeito logo no início do segundo tempo

Ponto Fraco do Vitória
Voltou do intervalo sem muita atenção e sofreu o gol de empate logo no início da etapa final

Ponto Fraco do Atlético-PR
Apesar do gol, não ofereceu muito perigo ao Vitória

Personagem do jogo
Ramon marcou seu gol número 93 em Brasileiros e armou as melhores jogadas do Vitória

Esquema Tático do Vitória
4-4-2
Gléguer, Apodi, Fábio Ferreira, Marco Aurélio e Leandro; Vanderson, Uelliton, Ramon (Carlos Alberto) e Jackson; Willian (Neto Berola) e Roger (Elkeson). Técnico: Vágner Mancini

Esquema Tático do Atlético-PR
3-5-2
Galatto, Nei, Manoel e Chico; Wesley, Rafael Miranda, Valencia, Paulo Baier e Márcio Azevedo (Fransergio); Marcinho (Gabriel Pimba) e Zulu (Wallyson). Técnico: Antônio Lopes

Cartões Amarelos
Vitória: Uelliton e Leandro
Atlético-PR: Rafael Miranda, Wallyson

Cartão Vermelho
Atlético-PR: Nei

Árbitro
Wilson Souza de Mendonça

Local
Estádio Barradão, em Salvador (BA)



Ramon chegou a lista dos 10 maiores artilheiros do Brasileiro
Ramon chegou a lista dos 10 maiores artilheiros do Brasileiro
Foto: Eduardo Martins / A Tarde / Futura Press
Fonte: Terra
Publicidade