PUBLICIDADE
Logo do

Vitória

Meu time

Roger desencanta e evita derrota do Vitória para o Cruzeiro

30 ago 2009 20h25
| atualizado às 21h33
Publicidade

O atacante Roger do Vitória desencantou no Campeonato Brasileiro. Depois de amargar um longo período sem marcar, ele foi fundamental para o time baiano evitar a derrota para o Cruzeiro em pleno Barradão e sair de casa com um empate emocionante em 3 a 3.

» Fotos do empate em Salvador
» Receba os gols do seu time pelo celular
» Compre e venda ações dos times da Série A no Futex
» Veja a classificação atualizada
» Confira a tabela completa
» Comente o resultado do jogo

Emocionante porque desde os 31min do segundo tempo o Cruzeiro vencia a partida por 3 a 1 e caminhava para chegar a sua quarta vitória nos últimos seis jogos de sua recente campanha invicta. Mas nos cinco minutos finais Roger foi fundamental para a equipe baiana sair com um resultado melhor. E por pouco ele não foi o autor do gol da vitória.

Fazer dois gols numa partida não é bem uma novidade para Roger neste Campeonato Brasileiro. Mas a última vez que isso aconteceu foi na goleada por 6 a 2 sobre o Santos, no dia 12 de julho. Depois disso foram 11 jogos com apenas dois gols. Os tentos de hoje fazem o atacante dividir a artilharia do Brasileiro com Val Baiano e Marcelinho Paraíba, com 11 gols.

O Cruzeiro também teve um artilheiro na partida, seu camisa 10, Gilberto, autor dos primeiros gols da partida. O primeiro foi logo no início do confronto aproveitando rebote de Viáfara depois de chute de Jancarlos. Na etapa final, Gilberto fez o segundo dele, cobrando pênalti sofrido por Fabrício.

Mas o placar não traduzia muito o que mostrava o jogo. Quando levou o primeiro gol, o Vitória não deixou de atacar. O problema é que Andrey, substituto do lesionado Fábio, fechou o gol. Mesmo com o segundo tento de Gilberto, o time do técnico Vágner Mancini - expulso por reclamação - não baixou a guarda: aos 20min, Ramon cobrou falta da esquerda e achou a cabeça de Roger para vencer o goleiro cruzeirense pela primeira vez.

O gol sofrido fez o Cruzeiro ficar em alerta. Tanto que 11 minutos depois o volante Fabrício fez jogada pela direita e cruzou para a área. O atacante Thiago Ribeiro, livre, fez o terceiro do Cruzeiro. Aquele que poderia ser considerado o gol da vitória.

Mas com a expulsão do zagueiro do Cruzeiro Thiago Heleno e a forte chuva que voltou a cair em Salvador e castigou o gramado do Barradão, o Vitória começou a mudar a história da partida e acreditar até em uma incrível vitória.

Aos 40min, a dupla Ramon e Roger voltou a funcionar. Desta vez o atacante deu a assistência para o meia chutar na saída de Andrey. Dois minutos depois, Roger acertou um chute raro e mandou a bola no ângulo esquerdo do goleiro. E teve tempo para o camisa 23 perder mais um gol - a bola saiu rente à trave esquerda dos visitantes - mas que não manchou a sua boa atuação deste domingo.

FICHA TÉCNICA

Vitória 3 x 3 Cruzeiro

Gols
Vitória: Roger, aos 20min e 42 min do segundo tempo e Ramon, aos 40min do segundo tempo

Cruzeiro:


Roger marcou dois gols e deu passe para outro no empate entre Vitória e Cruzeiro
Roger marcou dois gols e deu passe para outro no empate entre Vitória e Cruzeiro
Foto: Eduardo Martins / A Tarde / Futura Press

Gilberto, aos 3min do primeiro tempo e 18min do segundo tempo, Thiago Ribeiro, aos 31min do segundo tempo

Ponto Forte do Vitória
Recuperação depois de estar perdendo por 3 a 1. Além de empatar, a equipe ainda quase conseguiu a vitória no fim do jogo

Ponto Forte do Cruzeiro
Apesar de sofrer três gols, o goleiro fez boas defesas, principalmente no primeiro tempo

Ponto Fraco Vitória
Desatenção do sistema defensivo. Todos os gols saíram de erros de marcação

Ponto Fraco do Cruzeiro
Equipe não teve tranqüilidade para administrar a vitória por 3 a 1 no primeiro tempo.

Personagem do jogo
Roger, fez dois gols e deu assistência para o Vitória arrancar um empate do Cruzeiro

Esquema Tático do Vitória
4-4-2
Viáfara, Nino (Jackson), Fábio Ferreira, Anderson Martins e Leandro (Elkeson), Vanderson, Magal, Ramon e Uelliton (Leandrão); Neto Berola e Roger. Técnico: Vágner Mancini

Esquema Tático do Cruzeiro
3-5-2
Andrey; Thiago Heleno, Gil e Leonadro Silva; Jancarlos (Vinícius), Fabrício, Henrique, Gilberto (Fabinho) e Diego Renan; Thiago Ribeiro e Soares (Guerrón). Técnico: Adilson Batista

Cartões Amarelos
Vitória: Viáfara, Fábio Ferreira, Leandro, Uelliton e Roger
Cruzeiro: Fabrício

Cartão Vermelho
Cruzeiro: Thiago HelenoÁrbitro
Marcelo de Lima Henrique

Local
Estádio Barradão, em Salvador


Fonte: Terra
Publicidade