PUBLICIDADE
Logo do

Sport

Meu time

Santos vence Sport e quebra série negativa

4 jul 2009 20h29
| atualizado às 22h27
Publicidade

Santos e Sport se enfrentaram neste sábado, na Vila Belmiro, e o time da casa encerrou uma série de quatro jogos sem vitória com um gol de Paulo Henrique, de cabeça, marcado aos 43min da etapa final. O triunfo por 1 a 0, o terceiro do time neste Campeonato Brasileiro - o segundo como mandante -, foi acompanhado de perto pelo atacante Robinho, revelado na Baixada Santista e que hoje defende o Manchester City-ING.

» Fotos de Santos x Sport
» Veja a classificação atualizada
» Confira a tabela e os resultados
» Comente a vitória do Santos

Com o resultado, o Santos foi a 13 pontos ganhos e venceu a primeira partida desde que bateu o arquirrival Corinthians, por 3 a 1, no dia 31 de maio. Já o Sport parou nos oito e é ameaçado pelo fantasma da zona de rebaixamento à Série B de 2010.

Sem os preteridos Neymar e Fabiano Eller entre os titulares - o zagueiro, aliás, pediu para não ser relacionado e, assim, poder defender outra equipe neste Brasileiro -, o Santos foi ao ataque no início do jogo, mas depois diminuiu o ritmo e ainda viu o Sport arriscar na frente.

Os gols, porém, não vieram no primeiro tempo, mas pelo menos um saiu no segundo. Quando parecia que a partida terminaria empatada, Madson cruzou da direita e Neymar chutou mal, mas Paulo Henrique apareceu por trás da zaga e cabeceou para o fundo da rede: 1 a 0.

No próximo dia 12 - domingo -, o Santos voltará a campo pelo Campeonato Brasileiro para encarar o Vitória, às 18h30 (de Brasília), no Barradão. No mesmo dia e horário, só que na Ilha do Retiro, o Sport medirá forças com o Goiás.

Ficha técnica:

Gols
Santos: Paulo Henrique, aos 43min do segundo tempo
Sport: -

Polêmicas
- Antes da partida, Fabiano Eller e Neymar trocaram farpas pela imprensa e o técnico Vagner Mancini barrou os dois do time titular
- Horas antes da partida, Fabiano Eller pediu para não ser relacionado e, assim completar sete jogos pelo Santos, o que o impossibilitaria de acertar com outra equipe do Campeonato Brasileiro. O zagueiro pode acertar com o Grêmio

Deslizes da arbitragem
- No gol que decidiu a partida, Neymar estava impedido antes de receber a bola e tocar para Paulo Henrique marcar
- Nos últimos segundos de jogo, o árbitro Alício Pena Júnior pediu a bola para encerrar a partida, mas não apitou o fim do confronto, deixando os jogadores confusos

Lances bizarros
Aos 30min do primeiro tempo, Fabiano recebeu a bola na entrada da área do Santos e furou feio na hora de tentar o arremate

Ponto Forte do Santos
Atuação segura de Domingos e chutes de longa distância

Ponto Forte do Sport
Avanços em contra-ataques e jogadas pelas laterais

Ponto Fraco do Santos
Falta de pontaria e poucos avanços pelos lados do campo

Ponto Fraco do Sport
Pouca objetividade no ataque

Personagem do jogo
Paulo Henrique, que decidiu a partida com um gol de cabeça

Destaque negativo do jogo
Erros de passe das duas equipes

Esquema Tático Santos
4-4-2
Douglas; Wagner Diniz, Fabão, Domingos (Molina) e Léo (Roni); Roberto Brum, Rodrigo Souto, Madson e Paulo Henrique; Róbson (Neymar) e Kléber Pereira. Técnico: Vagner Mancini

Esquema Tático Sport
3-5-2
Magrão; Igor, Durval e César; Élder Granja, Hamilton, Sandro Goiano, Fabiano e Dutra; Hugo (Vandinho) e Weldon. Técnico: Emerson Leão

Cartões Amarelos
Santos: Léo, Roberto Brum e Neymar
Sport: Hamilton e Dutra

Cartões Vermelhos
Santos: -
Sport: Weldon

Árbitro
Alício Pena Júnior (MG)






Fonte: Terra
Publicidade