0

WTorre promete restaurante panorâmico e memorial no Allianz

8 jun 2016
13h21
atualizado às 15h56
  • separator
  • comentários

Reaberto em novembro de 2014 após aproximadamente quatro anos de obras, o Allianz Parque ainda não foi finalizado. A WTorre, construtora responsável pelo empreendimento, assegura que o restaurante panorâmico e o memorial previstos inicialmente serão concluídos.

“A arena não está isolada da economia brasileira, atualmente machucada. Ela foi afetada pelo momento econômico, já que os investimentos deram uma tremenda retraída em todos os segmentos. É preciso ter paciência. Mas nada foi esquecido e será realizado”, assegurou Rogério Dezembro, presidente da WTorre Entretenimento.

De acordo com o executivo, na semana passada um grupo fez uma proposta para participar da viabilização do restaurante panorâmico na arena. A despeito do contexto de retração econômica, Dezembro falou com otimismo da recente oferta recebida pela WTorre.

O novo estádio do Palmeiras foi inaugurado em novembro de 2014
O novo estádio do Palmeiras foi inaugurado em novembro de 2014
Foto: Divulgação/Thiago Fatichi/Allianz Parque

“Precisamos tomar cuidado para colocar para funcionar um restaurante dentro do contexto de jogos e shows. É importante analisar os possíveis pontos de dificuldade para não precisar rever o projeto depois. Acho que vamos ter uma boa notícia ainda nesse ano, porque a proposta está na linha do que tínhamos imaginado”, adiantou.

Já o memorial será localizado em uma espécie de mini-shopping, com uma loja oficial do Palmeiras e seis espaços para a instalação de companhias de fast food, uma delas já confirmada. Segundo Dezembro, é necessário fechar mais dois acordos para fazer o projeto encorpar.

“Não queremos deixar o memorial solto para que ele não vire um depósito de troféus. Precisa ser um lugar atraente, para que a pessoa que visitou uma vez possa retornar”, disse Dezembro, receoso com o baixo rendimento de locais como os museus de Pelé e da CBF. “Queremos evitar os mesmos erros”, explicou.

Nos dias sem partidas e eventos, a moderna arena recebe torcedores e turistas para passeios por suas dependências. A ideia é que o restaurante panorâmico e o memorial sejam integrados ao mesmo percurso, aumentando as atrações do estádio.

A remodelação comandada pela WTorre nos últimos anos incluiu a demolição da antiga sala de troféus. Assim, o clube se viu obrigado a investir no aluguel de imóveis para guardar as peças conquistadas desde 1914 – há temor de que alguns itens tenham desaparecido.

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade