1 evento ao vivo
Logo do Brasileiro Série B
Foto: terra

Brasileiro Série B

Ponte Preta comemora 110 anos resgatando sua história

11 ago 2010
14h05
atualizado às 15h07

A Associação Atlética Ponte Preta completa nesta quarta-feira 110 anos de existência. Para comemorar o aniversário, o presidente Sergio Carnielli deve valorizar a história do clube. Por isso, ele inaugurou o "Memorial da Ponte Preta", além de promover outros eventos.

"São 110 anos de luta e conquistas que precisam ser registrados. Um clube sem memória perde sua origem. Este Memorial veio para que torcedores, desde pequenos, saibam como sua participação é importante na trajetória da Ponte e como a história de seu clube é importante para o cenário mundial do futebol", disse Carnielli, no lançamento do museu.

As comemorações seguem durante toda a semana. Nesta quarta-feira, ocorrerá um jantar de gala na Sociedade Hípica de Campinas, com show de Emílio Santiago e apresentação de Milton Neves. No próximo sábado, está marcado a 2ª Marcha Pontepretana, com saída na ponte preta (que deu origem ao nome do clube) e chegada no estádio Moisés Lucarelli, na hora em que ocorrerá a partida contra o Duque de Caxias, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Além disso, o clube de Campinas apresentou o "Kit 110", que conta com uma camisa comemorativa em homenagem ao vice-campeonato paulista em 1977, um CD com o hino e outras músicas que homenageiam a equipe e o livro "O Primeiro Time do Brasil - 110 anos & fatos".

"Começamos a resgatar a história da Ponte Preta que se mistura com a história de Campinas. E mais do que isso, queremos dar a oportunidade para população conhecer um pouco mais sobre como o futebol influenciou na vida da cidade em determinadas épocas", afirmou o diretor de marketing Mário Della Volpe, responsável pelos eventos comemorativos.

Fundada no dia 11 de agosto de 1900, a Ponte Preta conquistou durante sua existência um Troféu Campeão do Interior, em 2009, duas Copa São Paulo de Futebol Júnior, em 1981 e 1982, além de vencer o Campeonato Paulista da segunda divisão, em 1969.

Outras campanhas da equipe também merecem destaque, como os segundos lugares no Campeonato Paulista. Além de 1977, e equipe foi a segunda do estado em 1970, 1979, 1981 e 2008. O time também foi terceiro lugar do Campeonato Brasileiro em 1981 e 20 anos depois foi terceiro na Copa do Brasil.

Um dos maiores ídolos da equipe é o ex-meia Dicá, que também foi diretor de futebol do clube. Além dele, passaram com destaque pela equipe com sucesso o zagueiro Oscar (que defendeu o Brasil nas Copas de 1978, 1982 e 1986), os goleiros Valdir Peres e Carlos, o zagueiro Juninho e Polozzi, entre outros.

Recentemente, defenderam a Ponte os atacantes Washington (hoje no Fluminense) e Luis Fabiano (que defendeu o Brasil na Copa de 2010), os ex-zagueiros Fábio Luciano e Marinho, o zagueiro Rodrigo (hoje no Grêmio), o volante Mineiro, os goleiros Lauro (do Internacional) e Aranha (do Atlético-MG), além dos técnicos Marco Aurélio, Vadão, Nelsinho Baptista, Abel Braga, entre outros.

Clube, do atacante Reis (dir), ocupa a 9ª posição no Campeonato Brasileiro da Série B, com 20 pontos
Clube, do atacante Reis (dir), ocupa a 9ª posição no Campeonato Brasileiro da Série B, com 20 pontos
Foto: Filipe Granado / Futura Press
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

publicidade
publicidade