3 eventos ao vivo

Confira detalhes do título do Palmeiras na Taça Brasil de 1960

22 dez 2010
11h51
atualizado às 12h26
PALAVRA DO JORNAL A GAZETA ESPORTIVA:

Quando o Fortaleza abriu a contagem, aos seis minutos de jogo, poucos foram os que sentiram, em seu feito, uma ameaça para o onze do Parque Antártica. De fato, passaram apenas dois minutos, os palmeirenses empataram, desempataram e aumentaram a sua vantagem antes do ponteiro alcançar os 12 minutos de partida (Publicado no dia 29 de dezembro de 1960).

RESUMO: A segunda edição da Taça Brasil, em 1960, contou com a participação de 17 equipes, todos campeões estaduais. Os representantes de São Paulo (Palmeiras) e Pernambuco (Santa Cruz) entraram na disputa a partir da semifinal. Na curta campanha vencedora do Palmeiras, a semifinal reservou grandes dificuldades contra o Fluminense, com um empate e uma vitória por 1 a 0. Já na decisão, o time alviverde sobrou e marcou 11 gols no Fortaleza (somados os dois jogos).

CAMPANHA DO CAMPEÃO
4j - 3v - 1e - 0d - 12gp - 3gc

FICHA TÉCNICA DA FINAL:
Palmeiras 8 x 2 Fortaleza
Data: 28/12/1960
Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo
Renda. Cr$ 2.900.650,00
Público: 40 mil pessoas
Árbitro: Ricardo Bonadies
Assistentes: não disponíveis
Gols: Zequinha, Chinesinho-2, Romeiro, Julinho Botelho, Cruz-2 e Humberto (Palmeiras); Charuto-2 (Fortaleza)

PALMEIRAS: Waldir; Djalma Santos, Valdemar Carabina e Jorge; Zequinha e Aldemar; Julinho Botelho, Humberto, Romeiro, Chinesinho e Cruz
Técnico: Osvaldo Brandão

FORTALEZA: Pedrinho; Mesquita, Sanatiel e Ninoso; Toinho e Sapenha; Nésio, Valter Vieira, Benedito, Charuto e Berecê
Técnico: França.

Fonte: Gazeta Esportiva

compartilhe

publicidade
publicidade