PUBLICIDADE
Logo do

Seleção do Chile

Meu time

Martino surpreende e diz que Argentina merecia ser campeã

4 jul 2015 21h53
| atualizado às 23h17
ver comentários
Publicidade

O técnico da Argentina, Tata Martino, teve uma visão bastante peculiar sobre a final da Copa América disputada neste sábado: ele afirmou que a seleção bicampeã mundial foi melhor durante os 120 minutos (tempo normal e prorrogação) e merecia ter saído campeã. Na prática, após dominar grande parte da partida, o Chile venceu nos pênaltis e faturou uma taça inédita.

Martino fez questão de repetir a opinião em três oportunidades durante a entrevista: "a Argentina mereceu um pouco mais, mas nos pênaltis não deu certo. A Argentina não brilhou, mas o Chile também não. A equipe mais goleadora do torneio quase não criou situações", afirmou, esquecendo das boas oportunidades de Alexis Sánchez, Vidal, Vargas e Valdivia.

Martino também comentou individualmente sobre os astros das duas seleções e mais uma vez reclamou: "Messi esteve controlado. Kun Aguero também. Mas Valdivia e Sánchez também. Então a Argentina devia ganhar, sim", reafirmou.

O treinador chegou a ser questionado diretamente sobre essa análise surpreendente. E não voltou atrás: "as derrotas não me fazem deixar de ser frio e analítico. Sigo reconhecendo os méritos dos rivais, mas nos 120 minutos a Argentina devia ter ganho".

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade