2 eventos ao vivo

Bruno dedica vitória a Andrade, mas fala em deixar o Fla

12 mar 2009
00h54
atualizado às 08h39

Nem mesmo a vitória do Flamengo sobre o Duque de Caxias fez com que o goleiro Bruno saísse de campo plenamente satisfeito. Vaiado por parte da torcida por conta da troca de farpas que teve com o auxiliar técnico Andrade, o camisa 1 se disse incomodado com a situação.

» Fotos de Duque de Caxias x Flamengo
» Léo Moura brilha e Fla vence após confusões
» Confira a classificação atualizada
» Comente a vitória do Flamengo

"Muitos me vêem como polêmico, uma pessoa errada. Porque foi o Bruno que falou, deu essa repercussão. Se fosse outro, não teria isso. Nós nos pedimos desculpas, pelo que ele falou, sou ser humano também. A torcida tem o direito de protestar", disse Bruno, que chegou a falar em uma possível saída do clube no meio desta temporada.

"Agora, se a janela for aberta e eu ver que não estou sendo últil para o grupo, eu mesmo vou sair", desabafou o goleiro.

Apesar da situação que viveu em Duque de Caxias, Bruno disse que o problema faz parte do passado e dedicou a vitória ao auxiliar técnico.

"Temos que colocar um fim nessa história e, por isso, essa vitória vai para o Andrade. Ele é um grande amigo particular, com o qual me orgulho de trabalhar por ser um grande homem e um campeão", disse o arqueiro.

Outro a garantir que o problema está vencido foi o lateral-esquerdo Juan. "Sempre que passamos dificuldades, saímos fortalecidos. Esse problema já está superado e vamos seguir mais unidos e mais fortes", disse o camisa 6 do Flamengo.

Com informações do Lancepress! e da Gazeta Press.

Bruno foi vaiado por parte da torcida rubro-negra na vitória sobre o Duque de Caxias
Bruno foi vaiado por parte da torcida rubro-negra na vitória sobre o Duque de Caxias
Foto: Agência Lance
Fonte: Terra
publicidade