PUBLICIDADE
Logo do

América-MG

Meu time

Montillo volta, faz gol da vitória e classifica Cruzeiro para semi

27 mar 2011 17h59
| atualizado às 20h09
Publicidade

Após ser poupado na última partida do Cruzeiro, o meia argentino Montillo voltou e foi decisivo na vitória celeste diante do rival América-MG, na tarde deste domingo, pela oitava rodada do Campeonato Mineiro. O camisa 10 marcou o gol da vitória por 3 a 2, no Estádio Melão, e manteve o elenco comandado pelo técnico Cuca na liderança isolada da competição estadual, garantindo a equipe na semifinal. Com o triunfo fora de casa, o Cruzeiro chegou aos 22 pontos, cinco de vantagem para o Alético-MG e seis para o América-MG. Em função do empate do Villa Nova com o Ipatinga, por 2 a 2, o Cruzeiro garantiu sua classificação à próxima fase com duas rodadas de antecedência.

Para o confronto, a equipe celeste contou com a hegemonia sobre o time alviverde no histórico do confronto. Os dois times já jogaram 346 vezes, com 144 vitórias cruzeirenses, 104 empates 98 triunfos do América. Foram 621 gols do Cruzeiro e 505 dos americanos. Já em Campeonatos Mineiros, o time da Toca da Raposa também leva vantagem no retrospecto. Foram 208 duelos, incluindo os jogos válidos pelo Campeonato da Cidade, com 94 triunfos do Cruzeiro, 62 empates e 52 vitórias do América-MG.

Para a partida deste domingo, o Cruzeiro não pôde contar com o volante Henrique, convocado para a Seleção Brasileira, e com o zagueiro uruguaio Mauricio Victorino, também chamado para a seleção do seu país. Em compensação, o técnico Cuca teve o retorno dos armadores Montillo e Roger, poupados da última partida.

Outra curiosidade do confronto ficou por conta do uniforme do América-MG. O time usou a terceira camisa da equipe, um uniforme tricolor (branca, verde e preta) em razão dos vários pedidos da torcida para a confecção de uma camisa com as três cores do clube, que de acordo com o seu estatuto é tricolor.

De volta à partida, quem saiu na frente foi o América. Logo aos 5min, Leandro Ferreira carregou a bola na frente da área, ajeitou para o lado e acertou o canto esquerdo de Fábio para abrir o marcador no Estádio Melão. O gol de empate do Cruzeiro veio apenas no fim da primeira etapa. Aos 42min, Montillo fez o cruzamento do lado direito e a zaga do América ficou parada. Thiago Ribeiro entrou sozinho e empatou o clássico.

Já no segundo tempo, aos 6min, o América voltou a ficar na frente. Leandro Ferreira acertou belo chute da entrada da área, a bola fez uma curva e entrou no canto direito, marcando seu segundo gol no duelo.

Quando tudo indicava que o jogo terminaria empatado, brilhou a estrela do argentino Montillo. O camisa 10 tabelou com Wallyson, recebeu belo passe de volta e tocou, com classe, no canto direito de Flávio para dar os três pontos ao elenco celeste.

Na próxima rodada, o Cruzeiro enfrentará o Guarani, dia 3 de abril, às 16h (de Brasília), na Arena do jacaré, em Sete Lagoas. Um dia antes, o América enfrentará o Tupi, às 16h, em Juiz de Fora.

Em outros resultados da rodada, o América-TO venceu o Guarani por 2 a 1, enquanto Villa Nova e Ipatinga ficaram no 2 a 2.

FICHA TÉCNICA

América-MG 2 x 3 Cruzeiro

Gols

América-MG: Leandro Ferreira, aos 5min do 1º tempo, e aos 6min do 2º tempo

Cruzeiro: Thiago Ribeiro, aos 42min do 1º tempo; Léo, aos 4min do 2º tempo, e Montillo aos 38min do 2º tempo

América-MG
Flávio; Marcos Rocha, Gabriel, Otávio, Jean Batista, Nando, Dudu, Leandro Ferreira, Irênio (Netinho), Luciano (Thiago Silvy) e Fábio Júnior. Técnico: Mauro Fernandes

Cruzeiro
Fábio; Pablo, Gil, Léo, Gilberto (Éverton), Marquinhos Paraná, Leandro Guerreiro, Roger (Wellington Paulista), Montillo, Wallyson e Thiago Ribeiro (Ortigoza). Técnico: Cuca

Cartões amarelos
América-MG: Gabriel, Nando, Jean Batista, Irênio, Thiago Silvy
Cruzeiro: Léo, Gilberto, Marquinhos Paraná, Roger

Árbitro
Émerson de Almeida Ferreira

Local
Estádio Melão, em Varginha (MG)

Thiago Ribeiro e Léo marcam para o Cruzeiro
Thiago Ribeiro e Léo marcam para o Cruzeiro
Foto: Agência Lance
Fonte: Terra
Publicidade