0
Logo do Liga dos Campeões
Foto: Terra

Liga dos Campeões

Decisivo contra o Bayern, CR7 pede apoio à torcida: "não me vaiem aqui"

18 abr 2017
20h06
  • separator
  • comentários

Autor de três dos quatro gols da vitória do Real Madrid sobre o Bayern de Munique por 4 a 2, nesta terça-feira, que selou a classificação do time espanhol para as semifinais da Liga dos Campeões, o atacante Cristiano Ronaldo pediu para não ser vaiado no estádio Santiago Bernabéu, após ser alvo da insatisfação do torcedores locais quando a equipe alemã vencia a partida.

"Só peço que não me vaiem aqui, é a única coisa que peço, porque sempre faço o meu melhor, e quando não faço gols, tento trabalhar e ajudar o Real Madrid ", declarou o jogador em entrevista à rádio "Antena 3".

O português, que já tinha balançado a rede duas vezes no jogo de ida do confronto, na semana passada, frisou que só queria ver o lado positivo do que ele e os companheiros encararam contra o Bayern.

"Me deparo com as coisas positivas. Jogamos muito bem, a equipe jogou muito bem, e obviamente estou muito feliz por marcar três gols", argumentou.

Apesar de só ter garantido a vitória na prorrogação - no tempo normal o Bayern venceu por 2 a 1 -, para o atacante, o Real Madrid mereceu conseguir a classificação.

"Não tenho dúvidas, claro que o Real Madrid foi melhor. Fazer seis gols em uma equipe como o Bayern não é fácil, e merecemos chegar às semifinais. A equipe jogou muito bem, soubemos sofrer e somos os justos vencedores", disse.

"Sabíamos que teríamos que jogar muito bem ou, senão, o Bayern é um time que pode fazer gols em qualquer campo. Mostrou que é uma excelente equipe. No primeiro tempo, tivemos muitas oportunidades e pudemos marcar um ou dois gols, no segundo também, mas cedemos dois gols. Só que o Real Madrid está acostumado a sofrer, e no final ganhamos", resumiu.

EFE   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade