1 evento ao vivo

Meia do Corinthians sonha em atuar como profissional com o irmão

22 dez 2016
08h45
atualizado às 08h45
  • separator
  • 0
  • comentários

O Corinthians faz parte do dia a dia da família Mantuan. Guilherme, o filho mais velho, está em fase final de preparação para disputar a sua primeira Copa São Paulo de Juniores como titular. Gustavo, no time sub-15, tenta seguir os passos do irmão. E a caçula Giulia já dá braçadas na piscina do Parque São Jorge, com a expectativa de se tornar nadadora profissional.

"Seria até possível jogar ao lado do meu irmão na equipe de cima do Corinthians. Sonhar não custa nada. Os meus pais ficariam muito orgulhosos", vislumbrou Guilherme, antes de recobrar a prudência. "Vamos trabalhar forte primeiro. Está muito cedo para falar disso", ponderou.

O meia, no entanto, não consegue conter o largo sorriso ao falar dos irmãos. "O meu irmão joga como meia e já foi convocado para a Seleção Brasileira, enquanto a minha irmã está engatinhando na natação. Só que ela diz que quer mesmo ser nadadora", contou, orgulhoso.

Foi Guilherme o primeiro a abrir as portas do Parque São Jorge para a família. Ele passou a integrar as equipes de base de futsal do Corinthians em 2004 - chegou a dividir a quadra com o ala Marcel, campeão da Liga Nacional neste ano, uma das revelações do clube que se transferiu para o Sorocaba.

Agora, Guilherme Mantuan espera se profissionalizar para facilitar ainda mais a ascensão dos irmãos como atletas do Corinthians. O jogador passou a ser peça importante da equipe dirigida por Osmar Loss neste ano, atuando como armador, volante e até lateral direito.

"Fui meia durante toda a base. Mas, nesta temporada, comecei a ajudar em outras posições. Isso abriu mais espaços para mim. As pessoas já me olham de uma maneira diferente por causa dessa polivalência", comentou.

Saindo-se bem na Copinha, Guilherme estará em evidência também para o futuro comandante do Corinthians, seja ele quem for. "Todos aqui têm a expectativa de fazer um bom trabalho para ter uma oportunidade lá em cima e ficar de vez. Precisamos atuar bem como um grupo primeiro. Só assim vão nos considerar prontos para as próximas dificuldades", disse o mais versátil entre os Mantuan, ainda tímido.

O Corinthians está no grupo 17 da Copa São Paulo, o mesmo de Operário-MS, Pinheiro-MA e Taubaté, que sedia a chave. A estreia será na quarta-feira de 4 de janeiro, contra a equipe maranhense.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade