0

Brasil vence Peru no Sul-Americano Sub-17 e fica na ponta do grupo

11 abr 2013
21h35
atualizado às 21h45
  • separator
  • 0
  • comentários

A Seleção Brasileira derrotou o Peru por 3 a 0, em partida disputada na noite desta quinta-feira, no Estádio Malvinas Argentinas, em Mendoza, pelo Campeonato Sul-americano Sub-17. O resultado fez o time dirigido por Alexandre Gallo garantir o primeiro lugar do Grupo B com dez pontos ganhos. Na preliminar, o Uruguai goleou a Bolívia por 5 a 1 e assegurou a segunda posição na mesma chave, com oito pontos.

<p>Com gol de Charles, o Palmeiras segurou o Libertad dentro de casa, venceu por 1 a 0 e garantiu vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores na noite desta quinta-feira; veja</p>
Com gol de Charles, o Palmeiras segurou o Libertad dentro de casa, venceu por 1 a 0 e garantiu vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores na noite desta quinta-feira; veja
Foto: AFP

A equipe peruana, mesmo derrotada, manteve o terceiro lugar, com quatro pontos, e conseguiu a vaga para a próxima fase. Os gols do Brasil foram marcados por Lincoln, Caio e Kenedy.

Argentina, Paraguai e Venezuela, no Grupo A e Brasil, Uruguai, Peru, na chave B, avançaram para o hexagonal final, que será disputado em turno único, com todos os times se enfrentando. Os quatro primeiros se garantem no Mundial da categoria, que será disputado a partir de 17 de outubro nos Emirados Árabes Unidos.

A partida começou em ritmo lento a Seleção Brasileira só criou a primeira oportunidade de gol aos 12min, quando Ewandro cobrou escanteio e Vega, na tentativa de cortar, cabeceou contra o seu gol, mas Espinoza defendeu. Aos 19min, o Brasil quase marcou. Thiago cruzou e Léo Mendes se antecipou ao goleiro peruano, mas cabeceou por cima do travessão.

A seleção peruana pouco se arriscava e apenas tentava sair nos contragolpes, enquanto os brasileiros usavam as laterais para se aproximar da área adversária. Aos 29min, a Seleção marcou o primeiro gol. Caio bateu escanteio pela esquerda. Lincoln surgiu entre os zagueiros peruanos e chutou para colocar a bola nas redes.

Depois de estabelecer a vantagem no marcador, o time dirigido por Alexandre Gallo passou a tocar a bola para administrar o resultado e não voltou a criar nova oportunidade, até o final do primeiro tempo. Logo no primeiro minuto do segundo tempo, a Seleção ampliou. Ewandro cruzou da esquerda e Caio finalizou sem chances para o goleiro Espinoza.

A vantagem não fez o time brasileiro reduzir a intensidade do ataque e, aos seis minutos, Kenedy recebeu bom passe de Caio e quase marcou o terceiro gol. Aos 25min, o Brasil chegou novamente ao gol. Da entrada da área, Kenedy mandou uma bomba sem defesa para o goleiro Espinoza.

Com a vitória garantida, a Seleção Brasileira apenas se preocupou em tocar a bola, enquanto o Peru, também classificado, se mostrou conformado com o resultado.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade