1 evento ao vivo

Zeca lamenta perseguição a Lucas Lima após clássico: "Não é justo"

17 fev 2017
16h01
atualizado às 16h25
  • separator
  • comentários

A derrota de 3 a 1 para o São Paulo, na última quarta-feira, não foi bem digerida pelos torcedores do Santos. Como revelado pela Gazeta Esportiva , dezenas de santistas se reuniram na porta do vestiário da Vila Belmiro e descarregaram seu ódio após o revés. O alvo principal foi o meia Lucas Lima. Porém, o lateral-esquerdo Zeca defendeu o camisa 10 e acredita que o companheiro jogou o clássico no sacrifício.

"Lucas Lima tem muita personalidade. Sorri sempre. Todos têm que ressaltar que ele vinha tratando o tornozelo em dois períodos, vinha com dor. Tomou pancada do Thiago Mendes no joelho. Ele estava com muita dor e se sacrificou para poder jogar. Ele já entrou machucado em final. Estão caindo muito em cima dele. Não é justo. Tem nosso total apoio", ressaltou Zeca, em entrevista coletiva nesta sexta-feira, no CT Rei Pelé.

As manifestações dos torcedores foram divulgadas em um vídeo, que rodou as redes sociais na última quinta-feira, Serginho Chulapa e Léo, ídolos do clube em épocas diferentes, saíram para tentar dialogar e acalmar os ânimos. Depois de cerca de 15 minutos de tumulto e com a chegada de seguranças, o grupo deixou o local se vangloriando pelo ato. Entre as cobranças, os torcedores pediram 'mais raça' . Um deles chegou dizer 'me contrata que eu jogo melhor'.

Se Lucas Lima ficou marcado após a derrota para o Tricolor do Morumbi, Zeca também foi um personagem importante no clássico da última quarta. Autor do pênalti que culminou com o empate do rival ainda no primeiro tempo, o lateral santista quer esquecer o erro para buscar a recuperação no Paulista.

"Fiz o pênalti. Aconteceu. Foi uma fatalidade. Estamos tranquilos, vamos treinar hoje, conversar, já sabemos o que erramos e vamos consertar. Nada de abaixar a cabeça. Cabeça erguida. Não podemos ficar chateados. Estamos confiantes. Erramos, queríamos ter ganhado, claro, mas Santos está no caminho certo", concluiu.

Tentando apagar a mancha deixada com o revés no clássico, o Peixe encara a Ferroviária, neste sábado, às 19h30 (de Brasília), na Vila Belmiro, pela quarta rodada do Paulistão.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade