2 eventos ao vivo
Logo do Olimpíada 2016
Foto: terra

Olimpíada 2016

Os anunciantes aqui reunidos não possuem relação com os Jogos Rio 2016 e patrocinam apenas este caderno especial.

Rússia promove abertura de Jogos Paralímpicos alternativos em Moscou

7 set 2016
17h04
  • separator
  • comentários

A Rússia celebrou nesta quarta-feira o início de Jogos Paralímpicos alternativos, como mais uma forma de protestar contra a exclusão do país do evento que será aberto oficialmente estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, nesta tarde.

O evento paralelo, que conta com apoio do governo, começou com cerimônia e desfile de atletas em Moscou, além de discurso do presidente Vladimir Putin.

"A delegação russa é uma das equipes mais potentes do mundo", garantiu o chefe de Estado, ao dar boas-vindas aos desportistas paralímpicos que participarão dos Jogos alternativos.

Hoje, participaram do desfile que abriu o evento judocas, arqueiros, atiradores, ciclistas, remadores, tenistas, nadadores, jogadores de handebol, entre outros.

"No Rio, deveríamos participar em 18 modalidades esportistas, mas, tenho certeza que essas dificuldades são passageiras", disse Putin, em referência a decisão do Comitê Paralímpico Internacional de excluir integralmente a participação do país nos Jogos.

No dia 7 de agosto, o órgão optou por tirar a Rússia do evento, devido as denúncias contidas no relatório McLaren, feito a pedido da Agência Mundial Antidoping (WADA), que apontava para um esquema sistemático e patrocinado pelo Estado, de doping no país.

"A decisão de desqualificar nossos atletas paralímpicos está à margem do direito e da moral. É um ato de cinismo se vingar e canalizar o ódio contra aqueles para quem o esporte é o sentido da vida", disse Putin na abertura dos jogos paralelos.

EFE   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade