0
Logo do Jogos Pan-Americanos
Foto: terra

Jogos Pan-Americanos

Jogos Pan-Americanos

Dupla brasileira chega à final e faz história no badminton

Osmar Portilho / Terra

Daniel Paiola e Hugo Arthuso alcançam feito inédito ao se credenciarem para disputar uma medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos

14 jul 2015
14h13
atualizado às 19h04
  • separator
  • comentários

O badminton brasileiro brilhou nesta terça-feira no complexo esportivo de Markham, no Canadá. Após ficar com um bronze nas duplas mistas, o par masculino avançou à final da modalidade e já garantiu, ao menos, uma medalha de prata, fato inédito do Brasil nos Jogos Pan-Americanos. Favoritos, Daniel Paiola e Hugo Arthuso venceram os dominicanos José Cabrera e Javier Ozuna por 2 sets a 0, com parciais de 21/13 e 23/21.

Daniel e Hugo fazem história em Toronto
Daniel e Hugo fazem história em Toronto
Foto: Osmar Portilho / Terra

"É uma alegria, uma satisfação, já que trabalhamos muito por isso. É gostoso saber que o trabalho rendeu. Queria muito o individual, não deu, mas agora quero muito levar esse ouro das duplas para casa", disse Daniel após o resultado histórico. "Acordamos com esse pensamento: vamos ganhar e fazer história. Entramos hoje para isso. Fizemos um trabalho psicológico muito importante para não pensar na medalha, mas sim no jogo", completou Hugo.

Daniel salva ponto no complexo esportivo de Markham
Daniel salva ponto no complexo esportivo de Markham
Foto: Osmar Portilho / Terra

A dupla brasileira não teve dificuldade no primeiro set. Com uma qualidade técnica superior, Daniel e Hugo não deram chances aos dominicanos e fecheram a parcial em 21 a 13. Mais confiantes, acabaram se complicando na etapa final e, por pouco, não tiveram que ir para um terceiro set. Após liderar com sobras, José e Javier cresceram no jogo e empataram nos momentos finais. Porém, o atletas do País tiveram calma para se recuperar e fechar a vitória por 23 a 21.

"Eu estava muito nervoso, bateu aquela ansiedade... Mas o Daniel me manteve calmo e consegui concentrar para virar no 20 a 20 e fazer a diferença", comentou Hugo sobre os momentos finais da partida.

Agora, os brasileiros aguardam o duelo entre mexicanos e americanos para saber quem enfrentam na grande decisão, nesta quarta-feira, às 16h10 (de Brasília), no mesmo complexo esportivo de Markham, no Canadá.

Irmãs repetem feito e avançam à final

Conhecidas como "irmãs Williams" do Brasil, em alusão às tenistas americanas Serena e Venus, Lohaynne e Luana Vicente repetiram o bom desempenho da dupla masculina e também avançaram à decisão do badminton. Em uma partida muito equilibrada, as brasileiras venceram por 2 sets a 0, com parciais de 22/20 e 21/14.

Irmãs Vicente superaram dupla canadense e se garantiram na final do badminton nos Jogos Pan-Americanos
Irmãs Vicente superaram dupla canadense e se garantiram na final do badminton nos Jogos Pan-Americanos
Foto: Osmar Portilho / Terra

Embaladas pela torcida, que lotou o complexo esportivo de Markham, as canadenses começaram melhor, mas a dupla brasileira não demorou para entrar no jogo e provar porque ocupa um lugar mais alto no ranking mundial. Depois de se alternarem na frente do placar, Lohaynny e Luana mostraram uma variação técnica enorme, com defesas milagrosas e deixadinhas mortais para fecharem o primeiro set. 

A sequência foi bem mais tranquila. Sobrando em quadra, a dupla brasileira se manteve na frente em toda segunda parcial, se garantindo na final com tranquilidade, por 21 a 14. 

"Foi uma partida bem difícil, mas conseguimos fazer nosso jogo. Ainda não estou acreditando. Começamos o set com um pouco de nervosismo, ponto a ponto, a torcida do lado delas... Mas quando fechamos o primeiro set ficamos tranquilas. Conseguimos ficar na frente durante todo o segundo set, que foi o importante para conseguir chegar à final", disse Lohaynne após o histório resultado.

Irmãs Vicente superaram dupla canadense e se garantiram na final do badminton nos Jogos Pan-Americanos
Irmãs Vicente superaram dupla canadense e se garantiram na final do badminton nos Jogos Pan-Americanos
Foto: Osmar Portilho / Terra

 

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade