0

Cuca pensa em fazer estágio na Europa em 2017

Em entrevista à Gazzetta Dello Sport, comandante do Verdão diz que período de estudos faz parte de seus planos para a próxima temporada

22 nov 2016
17h41
atualizado em 23/11/2016 às 09h07
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Enquanto a torcida inicia a campanha para sua permanência, Cuca deu mais um motivo para acreditar pouco em sua renovação com o Palmeiras. Ao jornal italiano "Gazzetta Dello Sport", o técnico disse que faz parte dos seus planos um período de estudos na Europa em 2017.

Cuca durante jogo do Palmeiras, no Allianz Parque (Foto: Jales ValquerFotoarena/Lancepress!)
Cuca durante jogo do Palmeiras, no Allianz Parque (Foto: Jales ValquerFotoarena/Lancepress!)
Foto: Lance!

- Quero fazer uma viagem à Europa para aprender com os melhores treinadores. Eu queria fazer depois da passagem pela China, mas não tive tempo. Segui o (Maurizio) Sarri, que fez um grande trabalho com Empoli e no Napoli. Eu gostaria de observar de perto o trabalho dos treinadores italianos - justificou Cuca à publicação.

Seu contrato com o Verdão vence em dezembro, e a torcida já pede o fico do técnico que está a um ponto de conquistar o Brasileiro. O Verdão não ganha a competição desde 1994. Cuca, porém, já admitiu a pessoas próximas que não renovará com o Verdão. Voltar a China é uma possibilidade.

No sábado, antes do treino, membros da torcida organizada vão à Academia de Futebol para dar apoio ao elenco e pedir: "Fica, Cuca". A campanha já começou a ser usada nas redes sociais. Depois da vitória sobre o Botafogo, o treinador havia dito que desejava estudar.

- Eu vivo e respiro futebol. Quando vejo uma coisinha nova eu fuço para ver se posso trazer para mim. A pressão do resultado é muito grande e dificulta para você criar algo. Se eu puder estudar o futebol, quero estudar, quero melhorar intelectualmente, aprender a falar inglês, que é uma língua universal, e eu não sei falar. Quero poder ver outros treinadores trabalharem lá fora. Não para jogo, para treinos. Estas situações vão te atualizando - justificou.

 

Veja também:

Pelé é superestimado? Editor do L! avalia polêmica criada por site inglês
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade