1 evento ao vivo

Atleta russa perde ouro conquistado em Londres-2012

Mariya Savinova-Farnosova foi suspensa por quatro anos pelo Tribunal Arbitral do Esporte pelo uso de testosterona e oxandrolona

10 fev 2017
13h57
atualizado às 14h53
  • separator
  • comentários

A campeã nos 800m de Londres-2012, a russa Mariya Savinova-Farnosova foi suspensa por quatro anos pelo Tribunal Arbitral do Esporte (CAS) pelo uso de testosterona e esteróide oxandrolona. Dessa forma, a atleta de 31 anos terá que devolver a medalha olímpica conquistada.

Savinova também perderá as medalhas de ouro conquistadas nos Mundiais
Savinova também perderá as medalhas de ouro conquistadas nos Mundiais
Foto: Reuters

A russa usufruiu das substâncias entre julho de 2010 e agosto de 2013, tendo todos os seus resultados, neste período, anulados. Além de Londres-2012, Mariya perderá os ouros do Mundial de Daegu-2011 e do Europeu de Barcelona-2011.

A sul-africana Cster Semenya herdará o primeiro lugar do pódio olímpico e a britânica Jenny Meadows ficará com a prata.

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade