1 evento ao vivo

Autoridades não temem quarta organizada no Carnaval de SP

Mesmo com o acesso da Independente para o desfile de 2018, a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo e a Liga das Escolas de Samba não pretendem mudar planejamento

2 mar 2017
08h03
atualizado às 08h55
  • separator
  • comentários

Com o acesso da Independente Tricolor ao Grupo Especial do Desfile das Escolas de Samba de São Paulo, serão quatro as agremiações ligadas a torcidas organizadas de clubes de futebol da capital paulista. A vice-campeã do Grupo de acesso se junta à Mancha Verde, à Gaviões da Fiel e à Dragões da Real. No entanto, as autoridades responsáveis não se dizem preocupadas com isso.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, por meio de sua assessoria de imprensa, o planejamento é feito visando a segurança de todos os foliões, sem preocupação com o número de Escolas relacionadas à torcidas de clubes de futebol.

- Não foi conversado sobre o tema e não há mudança prevista para o Carnaval de 2018. Mas a tendência é seguir com o mesmo planejamento que a Polícia Militar utilizou neste ano, que é zelar pela segurança de todos os foliões que estiverem se divertindo, seja nos blocos de rua ou no Sambódromo. Não há restrição, tampouco preocupação específica pelo aumento do número de Escolas ligadas à torcidas de clubes de futebol.

Por parte da Liga das Escolas de Samba de São Paulo, sua assessoria de imprensa também declarou que não existe qualquer preocupação especial por conta do acesso da Independente Tricolor. A Liga ainda ressaltou o relacionamento dos presidentes das agremiações em questão.

- Tratamos as quatro como Escolas de Samba e não como torcidas organizadas, elas têm os mesmos direitos e os mesmos deveres de todas as agremiações que administramos por aqui, não temos qualquer preocupação especial, seria a mesma se fosse apenas uma ou quatro. Todas elas cumprem o regulamento e sabem de suas responsabilidades. Os presidentes se reúnem toda segunda-feira e dividem o mesmo espaço para discutir Carnaval, além de suas torcidas frequentarem os mesmos eventos que antecedem o Desfile.

Será a primeira vez em que o Carnaval de São Paulo terá em seu desfile quatro agremiações oriundas de torcidas organizadas. De 2006 para cá, foram 11 edições com participação de mais de uma Escola com origem no futebol, em quatro delas Mancha Verde, Dragões da Real e Gaviões da Fiel estiveram juntas.

Veja também:

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade