18 eventos ao vivo

Basquete: Em noite de rodada cheia, Brasília vence LSB e segue líder

Com bola decisiva de Fúlvio, Time de Lobos bateu o 14º colocado em casa e manteve o 1º lugar; Flamengo, Vitória e Mogi também venceram

17 fev 2017
14h36
  • separator
  • comentários

O desfecho do encontro entre o líder e o 14º colocado do NBB foi dramático. Após partida muito equilibrada, o UniCEUB/BRBCARD/Brasília contou com cesta decisiva de Fúlvio nos segundos finais e venceu a Liga Sorocabana, de forma emocionante, pelo placar de 79 a 77, na noite da última quinta-feira, que contou com mais seis partidas do campeonato.

Com placar empatado em 77 a 77 e a posse de bola nas mãos, o Brasília contou com o poder de decisão de Fúlvio para vencer. A três segundos do fim, o armador chamou a responsabilidade e deu números finais ao emocionante duelo realizado no Ginásio da ASCEB, na capital federal.

Herói da vitória dos donos da casa, Fúlvio deixou a quadra com mais uma grande atuação. O jogador registrou 13 pontos e sete assistências e totalizou a maior marca de eficiência da equipe (17). Deryk e Lucas Mariano foram os cestinhas do Brasília, com 16 e 15 pontos, respectivamente.

Este foi o 15º resultado positivo dos candangos em 19 partidas realizadas na competição (75% de aproveitamento). Com a mesma campanha do Flamengo, a equipe segue no primeiro por levar a melhor no confronto direto (primeiro critério de desempate).

Flamengo supera Campo Mourão e vence terceira seguida

O Flamengo segue disputando jogo a jogo a liderança do NBB. Na última quinta-feira, no Tijuca Tênis Clube, o rubro-negro carioca engatou a terceira vitória consecutiva na temporada, ao bater o Campo Mourão Basquete, por 79 a 69, em mais uma grande performance coletiva de seu elenco.

Como de costume, Olivinha deixou a quadra com um duplo-duplo mais uma vez. O ala/pivô precisou de apenas 18 minutos de atuação para anotar 15 pontos e pegar 12 rebotes, chegando à sua 13ª partida com dois dígitos de produção em pelo menos duas estatísticas diferentes na temporada (quarta consecutiva).

Pelo lado mourãoense, o grande destaque ficou por conta do norte-americano Greg Brown. O ala/armador foi praticamente perfeito ofensivamente, com 23 pontos anotados em 33 tentados (aproveitamento de 69,7%), e ainda contribuiu com quatro rebotes e três assistências para a equipe paranaense.

Com a vitória, o Fla manteve campanha idêntica ao líder Brasília, que também venceu na rodada, com 15 resultados positivos e cinco negativos. Já o Campo Mourão conheceu hoje sua nona derrota em 20 partidas disputadas na temporada e segue tentando se aproximar do G-4.

Vitória vence clássico de camisas contra o Vasco

Universo/Vitória e Vasco da Gama fizeram uma partida que teve o equilíbrio como grande protagonista. Após uma verdadeira batalha, o time baiano levou a melhor, pelo placar de 73 a 64, em duelo realizado na última quinta-feira, em Salvador (BA).

A pontuação do Vitória ficou bastante dividida e nove diferentes jogadores pontuaram. O cestinha foi o armador Kenny Dawkins, com 17 pontos, seguido pelo ala Arthur, autor de 14. Com 11 pontos, o norte-americano Hayes foi outro destaque da equipe vencedora.

Diante do desfalque de Jackson, que sofreu um estiramento na coxa na última partida, Nezinho chamou a responsabilidade no ataque do Vasco e foi o cestinha da partida, com 20 pontos. O experiente armador ainda distribuiu seis assistências e apanhou três rebotes.

Com o importante triunfo, o Vitória se manteve na quarta colocação, agora com 12 resultados positivos em 18 jogos disputados. Do outro lado, o Vasco conheceu sua nona derrota em 20 partidas realizadas e caiu para a oitava posição, com as mesmas campanhas de Campo Mourão e Pinheiros.

Em Macaé, Mogi vence e segue beirando G-4

O Mogi das Cruzes/Helbor está recuperado no NBB. Depois de perder para o Flamengo na última terça-feira, a equipe do técnico Guerrinha não perdeu tempo e se reergueu na competição ao levar a melhor sobre o Macaé Basquete, no Ginásio Juquinha, pelo placar de 90 a 69.

O jogo coletivo prevaleceu na vitória atual campeão sul-americano, que teve cinco atletas pontuando em dígitos duplos: Shamell (17 pontos) e oito assistências, Elinho (15), Larry Taylor (14) e sete rebotes, Tyrone (13) e mais oito sobras, e Filipin (11). O banco de reservas, enfim, contribuiu efetivamente e foi responsável por 34 pontos. Além disso, a equipe distribuiu 22 assistências.

Autor de 20 pontos, o norte-americano Kendall Anthony manteve sua incrível regularidade no Macaé e fez seu quinto jogo com 20 tentos ou mais nas últimas seis rodadas, com expressiva média de 22,5 pontos nestas partidas. Outro que repetiu um grande desempenho da equipe da Capital do Petróleo foi o ala Schneider, responsável por 14 pontos.

Com o resultado, os mogianos acumularam sua 13ª vitória em 20 partidas (65% de aproveitamento) e permaneceram com um pé no G-4, colados no quarto colocado Universo/Vitória. Já o Macaé sofreu sua 17ª derrota em 20 jogos e segue na lanterna da competição.

Franca ganha a 5ª seguida

Não há dúvidas de que o Franca Basquete/Magazine Luiza vive sua melhor fase dos últimos anos. E na última quinta-feira, a vítima da vez foi o EC Pinheiros. No Ginásio Pedrocão, os comandados do técnico e ídolo Helinho Garcia dominaram a partida, levaram a melhor por expressivos 99 a 78 e emplacaram sua quinta vitória consecutiva na atual temporada.

A vitória francana veio através de um forte jogo coletivo e uma excelente atuação ofensiva, que rendeu à equipe a maior marca ofensiva na temporada: 99 pontos. Os destaques ficaram por conta do ala/armador Cauê Borges, que registrou seu recorde nesta edição com 19 pontos, os alas Dedé Stefanelli e Antonio, ambos com 15 pontos, e os armadores Coelho e Alexey, com respectivos 14 e 11 pontos.

Pelo lado do Pinheiros, que conheceu seu terceiro revés consecutivo e caiu para a nona colocação, os maiores anotadores foram o pivô Ansaloni, com 18 pontos, os alas Gemerson e Holloway, com 12 e dez pontos, respectivamente, e o ala/armador Neto, autor de 11 tentos.

A sequência de cinco triunfos seguidos é a maior do time da Capital do Basquete no NBB desde a temporada 2012/2013. Mais do que isso, a boa fase francana se percebe na tabela de classificação: com o resultado, a equipe segue beirando o G-4, na sexta colocação, com campanha de 12 êxitos em 19 oportunidades (63,2% de aproveitamento).

Em BH, Paulistano domina Minas e quebra jejum

Acabou a sequência de derrotas do Paulistano/Corpore. E a equipe tratou de conquistar uma expressiva vitória fora de casa para voltar a vencer na competição após seis jogos. Mesmo atuando na Arena Minas, em Belo Horizonte, os comandados de Gustavo De Conti não deram chances ao Minas Tênis Clube na última quinta-feira e triunfaram, com tranquilidade, pelo placar de 96 a 85.

Para conquistar a grande vitória, o Paulistano teve um aproveitamento para lá de expressivo nos arremessos. Nas bolas de dois pontos, a equipe teve a incrível marca 83,3% (25 acertos em 30 tentativas). Já nos tiros de três, a equipe converteu 12 das 23 tentativas (52,2%), enquanto que nos lances livres teve apenas um erro em 11 tentativas (90,9%).

O argentino Daniel Hure teve atuação brilhante e foi o grande destaque do triunfo do Paulistano. Sem errar nenhum arremesso sequer (5/5 nos três pontos e 4/4 nos dois pontos), o ala/pivô marcou 23 pontos e foi o cara da equipe vencedora. Lucas Dias e Guilherme Hubner marcaram 18 e 16 pontos, respectivamente, e Arthur Pecos saiu do banco de reservas e registrou 13 pontos e seis assistências.

Apesar da derrota do Minas, o jovem ala/armador Danilo Siqueira fez a melhor partida de sua carreira no NBB. Em noite inspirada, o jogador acertou 12 arremessos de quadra em 15 tentativas e deixou a quadra com 33 pontos - seu novo recorde pessoal na competição.

Basquete Cearense vence Caxias e se firma no G-12

Foi com muita luta e emoção, mas o torcedor do Solar Cearense pôde comemorar mais uma vitória ao lado de seu time. Em jogo equilibrado do começo ao fim, o time nordestino teve atuação grandiosa no último quarto e bateu o Banrisul/Caxias do Sul, por 88 a 78, no Ginásio Paulo Sarasate.

Melhor armador do último NBB, Davi Rossetto faz mais uma temporada de encher os olhos. O camisa 5 do Basquete Cearense novamente foi o grande destaque da partida, com 19 pontos (sendo 11 deles no último quarto), nove rebotes e sete assistências, que lhe renderam uma eficiência de 27 no confronto, líder do jogo no quesito.

Pelo lado do Caxias, destaque para o ala/pivô Diego, que com problemas de falta atuou por menos de 19 minutos, mas mesmo assim deixou a quadra com 16 pontos, nove rebotes e quatro assistências; para o armador Fred, que veio do banco de reservas e também anotou 16 pontos e distribuiu quatro assistências; e para o pivô Marcão, dono 15 tentos e oito sobras ao longo do jogo.

Com a vitória, o Basquete Cearense se estabilizou ainda mais no G-12 (time está na 11ª colocação), agora com oito resultados positivos e dez negativos na temporada. O Caxias por sua vez mantendo as esperanças de chegar a mais um playoff, com três vitórias em 20 partida, na 14ª posição.

Basquete Cearense e Vasco duelam neste sábado

Solar Cearense e Vasco da Gama farão um confronto interessante na tarde deste sábado, em Fortaleza (CE). No Ginásio Paulo Sarasate, as duas equipes, que ocupam o pelotão intermediário da tabela de classificação, duelarão por voos mais altos no torneio O jogo será às 14 horas (horário de Brasília), e terá transmissão da Band.

Também no Nordeste, às 21 horas (horário de Brasília), o Universo/Vitória receberá o Banrisul/Caxias do Sul Basquete, no Ginásio de Cajazeiras, em Salvador (BA). O time baiano é o quarto colocado do NBB, enquanto o representante gaúcho é o vice-lanterna (14º).

Vasco e Basquete Cearense se enfrentam neste sábado
Vasco e Basquete Cearense se enfrentam neste sábado
Foto: LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade