1 evento ao vivo
Logo do São Paulo
Foto: terra

São Paulo

Lyanco volta confiante, mas lesão de Rodrigo aumenta 'caos' do Tricolor

Rodrigo Caio saiu da partida contra o ABC com problema no joelho esquerdo e pode perder reta final do Paulistão, enquanto Lyanco não está inscrito no Estadual

16 mar 2017
07h32
  • separator
  • comentários

O setor que deixava Rogério Ceni mais tranquilo no início do ano definitivamente tornou-se a grande dor de cabeça para o técnico do São Paulo. Das sete opções no elenco, dois estão sob observação no departamento médico agora que Rodrigo Caio acusou problema no joelho esquerdo. E Lyanco, que voltou bem ao time na última quarta-feira no empate em 1 a 1 com o ABC, não está inscrito no Campeonato Paulista.

Rodrigo precisou ser substituído logo aos 11 minutos do jogo em Natal, que terminou com classificação à quarta fase da Copa do Brasil. Houve certa preocupação por uma lesão de ligamento cruzado, mas depois o médico Auro Rayel, à ESPN Brasil, minimizou a preocupação. Um exame será feito nesta quinta-feira e a suspeita é de lesão no ligamento colateral medial, que costuma gerar recuperações de um mês.

- O Lyanco fez um partidaço, os dois (incluiu Lugano) jogaram muito bem. Ele não fez a pré-temporada com a gente, só chegaria com o campeonato em andamento e eu já tinha inscrito seis zagueiros, não poderia inscrever mais um. Muito provavelmente passando de fase, vamos colocar o Lyanco ou mais um jogador que deve chegar - afirmou o Mito, falando até em reforço para a fase eliminatória do Estadual.

Lyanco foi acionado por Ceni e atuou pela primeira vez pelo Tricolor no ano, depois de perder a pré-temporada por estar com a Seleção Brasileira sub-20. O desempenho foi destacado pelo treinador são-paulino e pode fazer com que o camisa 19 entre no Paulistão a partir das quartas de final. Lucão, que ainda não foi aproveitado além da Florida Cup, pode perder a vaga.

- Graças a Deus, isso é fruto de trabalho que venho tendo. Não é furada (entrar no começo do jogo). Estou no banco para esperar oportunidades e fazer o que sei. E graças a Deus saímos com a classificação. Deixo para o professor decidir e se Deus quiser quero ficar no São Paulo e mostrar meu trabalho - disse Lyanco, que despistou sobre o acordo encaminhado para ser vendido ao Atlético de Madrid (ESP) no meio do ano.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade