3 eventos ao vivo
Logo do Grêmio
Foto: Edu Andrade/Fatopress / Gazeta Press

Grêmio

Odorico Roman explica time reserva na Libertadores: 'Priorizar título'

Vice-Presidente de Futebol do Grêmio acredita que a utilização dos titulares diante do Novo Hamburgo minaria as chances do Tricolor ser campeão gaúcho

21 abr 2017
15h34
  • separator
  • comentários

Após o empate do Grêmio em 1 a 1, fora de casa, com o Guaraní-PAR, pela terceira rodada da Libertadores, o Vice-Presidente de Futebol, Odorico Roman explicou o porquê do Tricolor ter ido a campo com uma formação repleta de reservas. Dos considerados titulares, só o goleiro Marcelo Grohe e o lateral Edílson jogaram. Aos olhos do dirigente, o importante é priorizar títulos.

- Eles (titulares) treinaram, vocês (imprensa) que não perceberam. Fizeram treinamento intensivo na academia do hotel. E eles estão treinados para o jogo de domingo, sim. O Grêmio prioriza ganhar títulos. Se está disputando campeonato, tem que buscar o título. Jogar com titulares aqui seria abandonar praticamente o Gauchão - comentou Roman.

O Grêmio está nas semifinais do Campeonato Gaúcho. No jogo de ida, em Porto Alegre, o Tricolor empatou em 1 a 1 com o Novo Hamburgo, que terminou a primeira fase na liderança. A volta é no próximo domingo, às 19h.

O treinador Renato Portaluppi endossou o coro puxado pelo VP e exaltou o Campeonato Gaúcho.

- O Gauchão continua importante. Estávamos vendo, talvez não tivéssemos tantos jogos assim. Vamos conversando, trocando ideia. Quem muito quer, nada tem. Você vai acabar perdendo jogadores com lesões. Os jogadores precisam estar preparados que as oportunidades aparecem. Tivemos força para buscar um resultado. É importante dar conta do recado, faz o treinador pensar duas vezes para a próxima partida. O desgaste é muito grade. Qualquer treinador que usar sempre a mesma equipe, não vai chegar a lugar algum - opinou.

(Foto: Divulgação/Grêmio)
(Foto: Divulgação/Grêmio)
Foto: LANCE!
LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade