0

Olho na Copinha: Técnico especialista e reformulação movem o Corinthians

Campeão em 2015 e vice em 2014 e 2016, Osmar Loss comandará a quarta e última Copa São Paulo antes de ir para a comissão técnica do profissional. Elenco sofreu mudanças

2 jan 2017
07h34
atualizado às 07h34
  • separator
  • comentários

Sem títulos conquistados em 2016, mas com um número recorde de promoções ao time profissional em dez anos, o time sub-20 do Corinthians sofreu uma importante reformulação visando à Copa São Paulo de Juniores que tem início nesta quarta-feira, às 18h45, contra o Pinheiro-MA, no estádio Joaquinzão, em Taubaté. Maior campeão da história do torneio com nove taças (1969, 1970, 1995, 1999, 2004, 2005, 2009, 2012 e 2015), o Timão ainda duela contra o Operário-MS na sexta-feira, às 21h, e fecha a primeira fase diante do Taubaté no domingo, às 17h.

Será a quarta edição da Copa São Paulo sob o comando do técnico Osmar Loss, finalista das três que já disputou e campeão em 2015. Após o torneio, ele deixará o sub-20 para ser auxiliar técnico de Fabio Carille no time profissional. Já em campo, as principais apostas são nos meias Fabricio Oya, Pedrinho e Vitinho e especialmente naqueles jogadores que já haviam subido ao time profissional no ano passado, mas voltam exclusivamente para a competição: o volante Mantuan e o atacante Carlinhos. A Copinha também servirá de "teste final" para quem já disputou em 2016: Filipe e Luan (goleiros), Guilherme Romão (lateral-esquerdo), Vinicius Del'Amore (zagueiro), Renan Areias (volante), Mantuan (lateral-direito e volante), Fabricio Oya (meia), Pedrinho (meia) e Carlinhos (atacante).

VEJA A LISTA DE INSCRITOS DO CORINTHIANS NA COPINHA:

Goleiros: Diego Riechelmann, Filipe e Luan
Zagueiros: Vinicius Del'Amore, Franklin, João Victor e Thiago
Laterais: Carlos, Guedes, Guilherme Romão, Lucas Minele e Samuel
Volantes: Luisinho, Mantuan, Ralo, Renan Areias e Roni
Meias: Fabricio Oya, Marquinhos, Pedrinho e Vitinho
Atacantes: Carlinhos, Lucas Amorim, Matheus e Zé Gabriel

Lance!
  • separator
  • comentários
publicidade