0

Autor de "Ode a Suárez" sugere tratamento e critica Fred

7 jul 2014
16h20
atualizado às 16h32
  • separator
  • comentários

De acordo com o inglês Tom Rosenthal, há uma festa acontecendo no cérebro de Luis Suárez, mas ninguém foi convidado, ninguém apareceu e não se sabe o que se passa por lá. Essa é a metáfora que o cantor de 26 anos usou definir os problemas que o atacante uruguaio enfrenta e que culminaram na mordida no italiano Giorgio Chiellini durante partida da Copa do Mundo. O episódio virou música e sucesso na internet, após o lançamento do single “Hey Luis Don’t Bite Me (An Ode to Mr. Suárez)” (em tradução livre, “Hey Luis, Não Me Morda – Um Ode ao Sr. Suárez”).

“Não me morda!": clipe ironiza atacante uruguaio Luis Suárez

“Está bem óbvio que tem alguma espécie de desequilíbrio no cérebro do Suárez e que ele precisa de ajuda profissional”, explicou Rosenthal, por e-mail, ao Terra. Com dois álbuns lançados, o cantor de música folk viu o vídeo chegar a quase 200 mil visualizações, reverberando nas redes sociais. Com letra divertida, é acompanhado por animação feita por Dave Anderson em que o atacante aparece com “diamantes nos pés” e “lobos nos olhos”. Em um dos versos, Rosenthal sugere tratamento psiquiátrico: “talvez eles possam te ajudar. Talvez ninguém possa te ajudar”.

Cantor inglês Tom Rosenthal homenageou Suárez
Cantor inglês Tom Rosenthal homenageou Suárez
Foto: Tom Rosenthal/Facebook / Divulgação

“É difícil não se sentir triste por ele. As coisas que estão acontecendo estão fora de seu controle, e ele tem que aprender a como controlá-las de alguma maneira”, explicou o cantor, que também falou sobre a paixão pelo futebol, apesar de não ser torcedor de clube algum, e o encanto pelo futebol de Willian, que joga no Chelsea, de Londres, onde Rosenthal mora, e é reserva da Seleção Brasileira. Mostrou-se também inconformado com a titularidade de Fred. “Todo mundo aqui está confuso sobre porque ele continua sendo escalado, já que ele nunca faz nada e há muitos jogadores melhores esperando para substituí-lo”, afirmou.

Veja a entrevista completa de Tom Rosenthal

Terra – Como surgiu a ideia para essa música?
Tom Rosenthal - Assim que a mordida aconteceu eu achei que daria uma música interessante.

Terra – Qual é a sua opinião sobre Suárez? O que você mais gosta ou não sobre o estilo dele?
Tom Rosenthal -
Eu acho o Suárez ótimo. Eu gostaria que mais atletas fossem imprevisíveis e empolgantes como ele. É comum que os atletas sejam pessoas enfadonhas, então é interessante ver alguém como Suárez, que pode fazer qualquer coisa a qualquer momento, seja com seus pés com ou com a boca.

Terra – Para qual time você torce?
Tom Rosenthal -
Eu não torço para nenhum clube, mas gosto muito de futebol e sempre acompanho

Terra – O secretário-geral da Fifa, Jerome Valcke, sugeriu após o incidente da mordida que Suárez procure tratamento psicológico para superar os próprios problemas. Acredito que sua música indique a mesma solução. Por que você acredita nisso?
Tom Rosenthal -
Está bem óbvio que tem alguma espécie de desequilíbrio no cérebro do Suárez e que ele precisa de ajuda profissional. Eu não acho que morder é como uma escolha que ele faz. É apenas instinto, algo muito arraigado nele. Nesse aspecto, é difícil não se sentir triste por ele. As coisas que estão acontecendo estão fora de seu controle, e ele tem que aprender a como controlá-las de alguma maneira.

Terra – Você tem planos para escrever alguma outra música sobre a Copa do Mundo ou algo relacionado?
Tom Rosenthal -
Essa é provavelmente a última música sobre a Copa do Mundo que eu jamais farei. Eu normalmente lanço álbuns como cantor e escrevo para TV e filmes, então isso não é algo que eu normalmente faço – compor uma música sobre um assunto específico.

Terra – Brasil, Alemanha, Holanda e Argentina ainda têm chance de vencer a Copa do Mundo. Você vai torcer para qual time? Qual deles acha que vai ser campeão?
Tom Rosenthal -
Eu acho que o Brasil vai ser campeão, inclusive acho que eles têm mais chance agora que o Neymar se machucou, porque eles estavam dependendo muito dele. A equipe vai se unir mais agora, e o Willian pode entrar e fazer um grande trabalho. Eu vi ele jogar no Chelsea, é um grande jogador. Acho que vou torcer para a Holanda, porque eles estão próximos de nós e são um país pequeno e agradável.

<p>Suárez mordeu Chiellini e aumentou histórico problemático</p>
Suárez mordeu Chiellini e aumentou histórico problemático
Foto: Reuters

Terra – Você conhece algo sobre o futebol brasileiro? Tem algum jogador favorito?
Tom Rosenthal -
Conheço porque tantos jogadores brasileiros estão atuando na Europa. Meus jogadores favoritos são Thiago Silva e Willian. Eu realmente gosto da energia do Willian. Ele nunca para de correr. A única coisa que eu não entendo sobre o Brasil é porque o Fred continua jogando. Todo mundo aqui está confuso sobre porque ele continua sendo escalado, já que ele nunca faz nada e há muitos jogadores melhores esperando para substituí-lo.

Terra – Qual é a sua opinião quanto à eliminação da Inglaterra na primeira fase? Por que isso aconteceu?
Tom Rosenthal -
Aconteceu porque a Inglaterra não é boa o suficiente. Essa é a resposta simples. Aqui nós analisamos e analisamos por semanas o que aconteceu tentando compreender porque deu errado, mas a resposta é bem direta: outros países têm jogadores melhores.

Veja a letra e a tradução da música
Hey Luis Don't Bite Me Hey Luis Não Me Morda

There's a party in your brain, 
No one is invited and no one ever came, 
What is going on? 
What on earth is going on in there?

There's magic in your feet. 
Diamonds in your feet, wolves in your eyes, 
Wait for the surprise 
Wait for the big surprise.

Hey Louis Louis don't bite me,

Tough to be a genius, 
Tough to be a man, 
Tough to be a horse, 
Tough to be a frog 
Tough to be a football 
Tough to be alive

You're not getting wiser, 
You're not getting smarter, 
But you're sure getting bolder, 
Oh what a love 
What a love for the shoulders

A psychoanalysts dream 
You gotta lie down, 
Tell them what it means 
Maybe they can work it out 
Maybe no one can work you out

Always carry snacks, 
Save your fellow man 
From your crazy mouth attacks , 
Oh louis we all get hungry

Hey Louis Louis don't bite me

Há uma festa em seu cérebro
Ninguém foi convidado e ninguém apareceu
O que está rolando?
O que diabos está acontecendo aí dentro?

Há mágica nos pés
Diamantes nos seus pés, lobos nos seus olhos
Espere pela surpresa
Espere pela grande surpresa

Hey, Luis, não me morda

Difícil ser um gênio
Difícil ser homem
Difícil ser um cavalo
Difícil ser um sapo
Difícil ser uma bola de futebol
Difícil estar vivo

Você não está ficando mais sábio
Você não está ficando mais esperto
Mas com certeza está ficando mais ousado
Ó quanto amor
Quanto amor pelos ombros

O sonho de um psicanalista
Você tem que se deitar
Diga a eles o que significa
Talvez eles possam resolver
Talvez ninguém possa consertar você

Sempre carregue uns lanches
Salve seu companheiro
Dos seus ataques malucos com a boca
Oh, Luis, todos nós ficamos famintos

Hey, Luis, não me morda

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade