0

"Expulsaram como um cão", diz avó de Luis Suárez

27 jun 2014
09h50
atualizado às 10h37
  • separator
  • comentários

O atacante uruguaio Luis Suárez foi vitimado injustamente com sua "bárbara" expulsão da Copa do Mundo por morder, disse a desconsolada avó do jogador nesta quinta-feira.

Luis Suárez está fora da Copa e suspenso por nove jogos
Luis Suárez está fora da Copa e suspenso por nove jogos
Foto: Shaun Botterill/ FIFA / Getty Images

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

"Todo mundo sabe o que fizeram a Luis. Eles o queriam fora da Copa do Mundo. Perfeito, conseguiram. Eles o expulsaram como um cão", disse Lila Píriz Da Rosa, falando de Salto, cidade-natal de Suárez, no noroeste do Uruguai.

Lila, que tem 22 netos, disse que as autoridades do futebol estavam atrás de Suárez desde o início: "isso foi de propósito", disse ela sobre as sanções impostas ao brilhante mas volúvel Suárez, que acumula três punições por morder e uma por racismo.

Na quinta, a Fifa suspendeu o jogador de qualquer atividade relacionada ao futebol por quatro meses e proibiu sua atuação pelo Uruguai por nove jogos de competição, por ele ter mordido o zagueiro italiano Giorgio Chiellini.

"Eles tinham os olhos atentos nele para ver o que faria. É bárbaro o que fizeram com ele", acrescentou Lila.

Suárez, que teve uma infância humilde e difícil em Salto, a cerca de 500 km de Montevidéu, desembarcou no Uruguai na madrugada desta sexta-feira. 

Cerca de 500 torcedores foram ao aeroporto internacional de Carrasco, em Montevidéu, mostrar solidariedade a Suárez e gritar seu nome. Alguns esperaram por horas, segurando bandeiras do Uruguai, pôsteres de Suárez e réplicas da taça da Copa do Mundo.

Veja os gols em 3D da Copa Veja os gols em 3D da Copa

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade