3 eventos ao vivo

Uruguai vive vazio e silêncio após derrota para Colômbia

28 jun 2014
20h48
atualizado às 21h35
  • separator
  • comentários

Apesar da expectativa do Uruguai de reverter com uma vitória o mal-estar nacional gerado pela sanção da Fifa ao atacante Luis Suárez, a derrota para a Colômbia por 2 a 0, neste sábado, no Maracanã, fez o país se recolher em silêncio e as ruas ficaram rapidamente vazias.

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

Depois do resultado, a tristeza veio acompanhada de análises sobre o impacto da ausência do atacante, apesar de os uruguaios reconhecerem que a Colômbia jogou melhor.

Duas horas antes do início do jogo, Luis Suárez apareceu na varanda de sua casa, ao lado dos dois filhos, Delfina e Benjamín – os três vestidos com a camiseta 9 da seleção uruguaia, o número do atacante. Por volta das 12h (de Brasília), o jogador já havia mandado uma mensagem de agradecimento, através da sua conta pelo Twitter, e pedia aos uruguaios que torcessem pela seleção celeste.

A denúncia de vários uruguaios – rapidamente disseminada pela internet - de que a Fifa estaria mandando os torcedores do jogo, no Maracanã, jogar fora as muitas máscaras de Suárez com que haviam ido ao estádio ajudou a aumentar o grau de indignação e nervosismo no país. Apesar de não aparecerem na televisão, os milhares de uruguaios que levaram a máscara do atacante ao estádio se tornaram a imagem recorrente nas redes sociais durante a partida.

Ouça as principais músicas do Mundial:

Fonte: Terra
  • separator
  • comentários
publicidade