0

Ítalo-brasileiro é 2º em prova que definiu campeão da Moto2 na Malásia

30 out 2016
14h32
  • separator
  • comentários

O ítalo-brasileiro Franco Morbidelli, da Marc VDS Kalex, ficou em segundo na etapa da Malásia da Moto2, disputada nesta madrugada, em que o francês Johann Zarco, da Ajo Kalex, se sagrou campeão e o italiano Andrea Dovizioso, da Ducati, se tornou o nono vencedor diferente na temporada da MotoGP.

Na categoria secundária, o piloto que entrou na liderança da temporada, fez o que era preciso e conquistou a vitória na prova, chegando aos 251 pontos. O suíço Thomas Lüthi, da Interwetten Kalex, e o espanhol Álex Rins, da Pons Kalex, terminaram em sexto e 14º, respectivamente, e ficaram sem chances de erguer a taça.

Morbidelli, que repetiu na Malásia o resultado obtido nos GPs da Áustria, Grã-Bretanha e Austrália - os melhores até o momento -, chegou aos 197 pontos na classificação da temporada.

Na última etapa, em Valência, na Espanha, o filho de uma brasileira pode até alcançar o vice-campeonato, desde que vença, Lüthi não vá além do nono lugar, e Rins não suba ao pódio.

Na MotoGP, o italiano Andrea Dovizioso encerrou jejum iniciado no GP da Grã-Bretanha em 2009, quando venceu pela última vez na categoria. Nesta temporada, o italiano é o nono a subir ao topo do pódio na competição.

Outro piloto nascido na Itália, Valentino Rossi, da Yamaha, ficou na segunda colocação, garantindo matematicamente o vice-campeonato. O terceiro posto foi para o outro piloto da equipe japonesa, o espanhol Jorge Lorenzo.

Dono do título, o espanhol Marc Márquez, da Honda, terminou na 11ª colocação nesta etapa.

Já na Moto3, em que o sul-africano Brad Binder, da Red Bull KTM Ajo, se sagrou campeão por antecedência, o italiano Francesco Bagnaia, da Aspar Mahindra, levou a melhor na penúltima prova do ano, que foi encerrada apenas depois de 13 voltas, por causa da chuva.

EFE   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade