6 eventos ao vivo

Grêmio

Grêmio bate Goiás de virada e segue na caça da liderança

Lucas Uebel/Divulgação
6 set 2015
18h01
atualizado às 18h36
  • separator
  • 0
  • comentários

Foi com muito sofrimento, mas o Grêmio conseguiu mais uma vitória no Campeonato Brasileiro neste domingo. Mesmo com um homem a mais por quase 60 dos 90 minutos, o Tricolor errou pênalti, saiu perdendo, mas conseguiu virar para cima do Goiás, na Arena do Grêmio, e manteve-se firme no G4 e na caça aos líderes Corinthians e Atlético-MG. Douglas e Everton marcaram para o time gaúcho, e Bruno Henrique fez o gol goiano.

O Grêmio pressionou durante todo o primeiro tempo. Aos 33 minutos, o Goiás perdeu Felipe Macedo, expulso por cometer pênalti sobre Bobô. Porém, Douglas desperdiçou, e não foi só: com um a menos, a equipe visitante abriu o placar no final do primeiro tempo. O Tricolor conseguiu o empate cedo no segundo tempo e, quando parecia já sem forças, chegou à virada com o garoto Everton.

Roger Machado passa instruções para os jogadores do Grêmio à beira do campo da Arena, em Porto Alegre
Roger Machado passa instruções para os jogadores do Grêmio à beira do campo da Arena, em Porto Alegre
Foto: Lucas Uebel/Divulgação

Com a vitória, o Grêmio chega a sete jogos de invencibilidade no campeonato, mantém, o 3º lugar e, com 44 pontos, está a seis do líder Corinthians, justamente seu próximo adversário, em São Paulo, quarta-feira. O Goiás volta à zona de rebaixamento, com 25. Na próxima quinta, recebe o Sport, no Serra Dourada.

O jogo

O Grêmio exerceu forte pressão desde o primeiro minuto. Logo no primeiro ataque, o Tricolor quase abriu o placar, com Douglas dando e calcanhar para Bobô, mas Renan saiu e evitou o gol. Aos dois minutos, Marcelo Oliveira cruzou buscando Giuliano e Felipe Macedo afastou na pequena área. Aos 10, Douglas levou perigo em chute de fora da área. Na jogada seguinte, Bobô recebeu na cara do gol e chutou em cima de Renan, que fechou o ângulo.

Sem conseguir articular o contragolpe, o Goiás limitava-se a defender sua meta. Aos 16, Everton roubou bola no ataque e deu a Douglas, que se precipitou e chutou direto em vez de trabalhar o lance. Aos 20, Everton bateu colocado e quase pegou Renan adiantado – a bola saiu por cima levando perigo. Em lance muito semelhante, o goleiro goiano pegou chute colocado do atacante gremista aos 23. Aos 30, Giuliano tentou de longe após rebote de falta batida por Douglas, e a bola saiu com perigo por cima.

Torcedores mirins compareceram na Arena Grêmio
Torcedores mirins compareceram na Arena Grêmio
Foto: Lucas Uebel/Divulgação

Aos 33, pênalti para o Grêmio. Walace invadiu a área, acabou desarmado e Bobô apanhou a sobra, mas foi chutado por Felipe Macedo, que acabou expulso por Sandro Meira Ricci. Douglas, porém, chutou na trave. E, com um a menos, o Goiás surpreendeu aos 43: David levantou falta ao lado da área na cabeça de Bruno Henrique, que aproveitou saída errada de Tiago para colocar o time visitante à frente na Arena.

Precisando da virada, o Grêmio voltou ainda mais forte para o segundo tempo. Logo no primeiro minuto, Douglas cruzou para Bobô, que cabeceou com grande perigo. Aos seis, o empate: Marcelo Oliveira cruzou para o meio da área e Douglas, se redimindo do pênalti perdido, fez 1 a 1. O Tricolor diminuiu um pouco o ritmo após igualar, mas quase virou aos 18: Giuliano deixou Bobô livre pela esquerda. Ele cruzou, a zaga tirou mal e Walace chutou em cima de Giuliano.

A pressão, então, aumentou: aos 21, Douglas fez boa jogada individual e bateu com estilo, mas Renan fez grande defesa. Aos 26, Everton fez bela jogada na área, deu a Giuliano, mas Fred fez o desarme na hora certa. Aos poucos, a equipe gaúcha foi sentindo a parte física, e o ritmo diminuiu. O Goiás só deu seu primeiro chute a gol aos 34, com Zé Love, mas Tiago pegou fácil.

Quando o Grêmio parecia com as forças reduzidas, veio a virada: aos 37, Douglas lançou Yuri Mamute, que tocou para Everton. Gimenez afastou errado e o atacante gremista entrou livre, tocando na saída de Renan. No minuto seguinte, Bruno Henrique entrou cara a cara com o goleiro Tiago, que salvou o Tricolor de sofrer o empate.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 2 x 1 GOIÁS

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Data: 6 de setembro de 2015, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Sandro Meira Ricci (Fifa-SC)
Assistentes: Danilo Manis (Asp. Fifa-SP) e Eduardo Gonçalves da Cruz (Asp. Fifa-MS)
Renda: R$ 1.027.226,00
Público: 29.184 (27.176 pagantes)
Cartões amarelos: Douglas e Marcelo Oliveira (Grêmio); Patrick e Bruno Henrique (Goiás)
Cartões vermelhos: Felipe Macedo (Goiás)

GOLS :
GRÊMIO: Douglas, aos 6, e Everton, aos 37 minutos do segundo tempo
GOIÁS: Bruno Henrique, aos 43 minutos do primeiro tempo

GRÊMIO : Tiago; Lucas Ramon (Yuri Mamute), Geromel, Bressan e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon (William Schuster), Giuliano e Douglas; Everton (Moisés) e Bobô
Técnico: Roger Machado

GOIÁS : Renan; Gimenez, Felipe Macedo, Fred e Diogo Barbosa; Rodrigo, Patrick (Murillo Henrique) e David (Ygor); Bruno Henrique, Zé Love e Érik (Alex Alves)
Técnico: Julinho Camargo

 

Fonte: Gazeta Press
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade